Como descobrir o gosto pela leitura, ser um leitor assíduo

posted in: dicas, geral, últimas notícias | 4

Ser um leitor melhor é mais fácil do que muita gente pensa. Para adquirir esse hábito tão saudável é preciso colocar algumas dicas em prática.

Como descobrir o gosto pela leitura – foto: Marcos Ribeiro – depoisdocafe.com

Ser um leitor assíduo é o sonho de consumo de muita gente. São vários os motivos que despertam esse desejo. Algumas pessoas querem descobrir o gosto pela leitura, para conhecer as características e os costumes de povos de outros países, outras regiões, até mesmo de outros continentes. Para ter um novo hobby. Adquirir conhecimentos gerais. Estar mais preparado para processos seletivos, ser aprovado em um concurso público, ou para conversar com aquele amigo que está com a leitura em dia. Entre tantos outros motivos.

Apesar de serem adoráveis, existem muitos mitos em relação aos livros. Tem gente que acha que nunca vai conseguir ser um leitor assíduo pelo fato de não ter se dedicado à leitura quando criança. É engano achar que pode ser tarde para começar. Na verdade o momento certo é agora. Aproveite.

É grande a quantidade de pessoas que dizem que querem ler, porém, afirmam que nunca têm tempo para isso. Esse é o argumento mais frequente, para não dizer que essa é a desculpa mais famosa. Sempre podemos conseguir alguns minutinhos para ser um leitor melhor, mesmo que pareça impossível. Para isso, é preciso ter foco, colocar a leitura como prioridade. Vamos conferir algumas alternativas?

Ler antes de pegar no sono é uma delícia

Vá para a cama meia hora antes do horário que está acostuma a se deitar. Trinta minutos, pode não parecer, mas é um bom tempo para quem está começando. Isso se não estiver morto de cansaço é claro. É natural sentir sono logo no início. Tudo bem. A ideia não é ler dezenas de páginas. Se conseguir ler umas quatro, cinco, dez, já será um bom começo.

Não se preocupe com quantidade. A ideia é entender o conteúdo, compreender o que o autor está dizendo. Não pense nisso como uma disputa. Não pense em recordes, como diria minha mãe, “não vai sair apavorado, parecendo doido comendo milho”.

Bons livros e café, combinação mais que perfeita

Caso não consiga ler a noite, por causa do cansaço, ou algo assim, tente ler ao amanhecer. Coloque o relógio para despertar meia hora mais cedo. Se prepare normalmente para o seu compromisso. Sente-se à mesa com calma, saboreie um delicioso café e comesse sua leitura, com tranquilidade, mantendo a concentração.

Aproveite que pela manhã estamos com a mente mais tranquila, conseguimos gravar mais informações. Se tiver que encarar um transporte público, ou algo assim, leve o livro com você. Não encare isso como uma obrigação. Se tiver tempo e vontade, avance mais algumas páginas. Você vai perceber como é bom ocupar os poucos minutos livres evoluindo como leitor.

Livros podem ser ótimas companhias no intervalo após o almoço

Algumas pessoas almoçam no trabalho e às vezes sobram alguns minutinhos, para descansar. Quem tem o privilégio de almoçar em casa, as vezes também conta com um tempinho para repor as energias.

Tem gente que não abre mão de uma boa soneca, mas quem não consegue dormir durante o dia, pode aproveitar parte do intervalo para ler mais algumas páginas. Não se preocupe, caso o livro esteja com você, e não bater aquela vontade de aprecia-lo. Tudo tem seu tempo certo. Tem dia que não estamos afim mesmo, isso é completamente normal.

Você exagera no acesso às redes sociais?

Sem perceber, tem gente que exagera quando o assunto é tempo nas redes sociais. É importante aproveitar sem perder o controle. Às vezes entramos no Insta, no Face e quando percebemos, já se passaram trinta minutos, uma hora e por aí vai. Não que seja ruim interagir com os amigos, pelo contrário.

Eu mesmo faço isso varias vezes, mas confesso que tem vez que a gente não vê o tempo passar. O negócio é ter moderação em tudo na vida, não é mesmo? Se perceber que está exagerando no tempo que fica de olho na telinha, experimente dedicar parte desse tempinho aos queridos livros. Vai te ajudar e muito.

Aprenda a encontrar bons livros

Escolha um bom livro. Isso é fundamental. Se não sabe como fazer, fique tranquilo, com o tempo você vai aprender a identificar obras interessantes. Livro bom é aquele que você lê, entende a estória, imagina o cenário, o clima, os personagens, sente o cheiro, quer saber o que vem a seguir e quando termina tem a certeza que valeu a pena cada minuto dedicado à essa leitura.

O Google pode ser um parceirão nessa tarefa. Primeiro identifique o gênero que te agrada. Se você se interessa mais por assuntos calmos, finais felizes, filmes românticos, é claro que você tem grandes chances de se gostar mais dos romances.

Agora se você é daquelas pessoas que adoram filmes e séries com mais ação, com investigação criminal, talvez você goste mais do gênero policial, suspense, etc. Foi assim que descobri a Agatha Christie, conhecida mundialmente como a “Dama do Crime”.

Não canso de dizer que sou apaixonado pelo trabalho da Agatha é minha escritora preferida. Se quiser saber mais sobre o sucesso ela, clique aqui.

Depois que definir o gênero que vai ler, faça uma busca tipo “autores de livro de romance mais famosos”. eu fiz essa busca, para conferir o resultado clique aqui. Nessa pesquisa você vai encontrar os autores de romance mais bem sucedidos.

Escreva uma lista com uns cinco nomes, por exemplo, depois faça outra busca para encontrar os livros dos autores que ganharam sua atenção. Escolher um bom livro é fundamental para que a gente não desista logo no início, para ser um leitor assíduo.

Quando terminar a leitura e sentir que algo não te agradou muito, experimente outros gêneros, outros autores, quando menos esperar, serás conquistado, tenho certeza que se quiser, vai descobrir o gosto pela leitura.

Leia também:
Hercule Poirot precisa desvendar mais um grande mistério; Assassinato no Expresso do Oriente
Abusado, O Dono do Morro Dona Marta – Caco Barcellos 


4 Responses

    • Depois do Café

      Fico feliz que tenha gostado, Eliana. É um bom sinal. Muito obrigado pela visita! Beijos!!! 😀

    • Depois do Café

      Exatamente, Lidiane. Comigo foi bem assim. Comecei algumas leituras e não tive bons resultados, acabava desanimando e abandonando. Depois fui entender que estava fazendo errado, estava começando por temas muito complexos, não entendia nada, ficava perdido. Quando caiu a ficha, pesquisei, escolhi livros que desperataram meu interesse, fiquei empolgado pra saber o desfecho e a experiência foi maravilhosa. Agora é outra vida! 😀

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *